sexta-feira, 29 de outubro de 2010

MANIFESTAÇÃO ANUSSITA PELO DIREITO DE RETORNO AO SEIO DA NAÇÃO JUDAICA NA EMBAIXADA DE ISRAEL EM BRASÍLIA

O SUCESSO DA MANIFESTACAO ANOUSSITA PELO DIREITO DE RETORNO AO SEIO DA NACAO JUDAICA JUNTO A EMBAIXADA DE ISRAEL EM BRASILIA
Por Asher Ben-Shlomo


Da direita para a esquerda : O Porta-Voz do SICA, Membro do Circulo de Amigos do SICA e Presidente da Assembleia Geral dos Amigos e Colaboradores do SICA no Brasil, o Militar e Jurista Marlon Jorge Albuquerque, o Membro do Circulo de Amigos do SICA e Catedratico Robespierre de Lima Garces, o Embaixador de Israel no Brasil Giora Becker, o Membro do Circulo de Amigos do SICA, Administrador de Empresas Eduardo Marques do Santos, com a esposa Jackeline


A Manifestacao Anoussita em Brasilia pelo direito de retorno ao seio da nacao judaica, junto a Embaixada de Israel no Brasil, realizada no dia 26/10/2010, foi SUCESSO TOTAL. Os manifestantes cantaram o Hino Hatikva diante da Embaixada de Israel, fazendo tremular a bandeira do Estado Judeu. Foram recebidos com todas as honras pelo Embaixador de Israel no Brasil Guiora Becker, que, sensibilizado com o Ato Anoussita de Solidariedade ao Estado Judeu, disse que enviara para o Primeiro Ministro de Israel Benjamin Nataniahu um Relatorio Positivo deste marco da Historia dos Anoussitas do Brasil, que contou com a Coordenacao do Porta-Voz do SICA Marlon Jorge Albuquerque, entrevistado pela Rede Globo de Televisao, pelos Jornais O POVO e Correio Braziliense. Os reporteres, dos citados orgaos de imprensa, tambem entrevistaram o Embaixador de Israel Giora Becker que lembrou o fato de tambem ser descendente das vitimas do antisemitismo na Peninsula Iberica, judeus expulsos da Espanha em decorrencia do antisemitismo e da intolerancia religiosa da Igreja Catolica.


Minhas homenagens pessoais a todos os Chaverim que tornaram o sonho da reconquista da dignidade humana dos anoussita UMA REALIDADE.

O Jornal O POVO do Ceara fez uma chamada a respeito da manifestacao atraves do link http://www.opovo.com.br/app/colunas/vertical/2010/10/18/noticiavertical,2053845/e-hora-de-chover-no-rocado-da-funceme.shtml

O Jornal O POVO do Ceara publicou uma ampla materia sobre o evento, atraves do link http://www.opovo.com.br/app/opovo/brasil/2010/10/27/noticiabrasiljornal,2056977/ato-em-nome-da-origem-judaica.shtml
A versao impressa da materia do Jornal O POVO pode ser apreciada atraves do link http://digital.opovo.com.br/reader2/Default.aspx?pID=13&eID=3167&lP=26&rP=0&lT=page

O Jornal Correio Braziliense cobriu a Manifestacao Anoussita, junto a Embaixada de Israel em Brasilia, atraves do link http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia182/2010/10/27/mundo,i=220138/DESCENDENTES+DE+JUDEUS+NO+BRASIL+PEDEM+RECONHECIMENTO+DE+ISRAEL.shtml
O Jornal Diario de Pernambuco tambem divulgou o evento atraves do link http://www.diariodepernambuco.com.br/2010/10/27/brasil2_0.asp

10 comentários:

  1. Shalom chaver! fico feliz por tudo isso estou a vosso dispor ok?

    ResponderExcluir
  2. Shalom Chaver Mordechay!
    Que seja essa a Vontade do Eterno, em nos pré-dispor a sempre somar esforços em prol da causa Judaica-Anussita, para o nosso Bem e para o Bem de Israel!

    ResponderExcluir
  3. Shalom Chaver!
    Estou esperando o seu contato por e-mail!!! Não esqueci do senhor não!
    shalom UL'Hitraot!!!

    ResponderExcluir
  4. oi.alguem pode me informar como esse reconhecimento passa a ser documentado? eu tambem sou benei anunssim e gostaria de ser rconhecido legalmente,como isso é possivel? alguem pode me esclarecer? meu email é: hebertribeiro_92@hotmail.com

    ResponderExcluir
  5. So denpendo das intintuiçães de Israel assim penso!

    ResponderExcluir
  6. Shalom Chaverim!
    A questão Anussita é uma questão fácil de se resolver na teoria, porém, um tanto complicada na prática. A legalidade do Ramo Judaico Anussita se comprova mediante os registros históricos existentes nos livros de História judaicos e secular, ambas literaturas acabam por se tornarem testemunhas idôneas de nossa existência e autenticidade. Por outro lado, a dificuldade de Israel nos tomar como Ramo Judaico legalmente reconhecido pelo Estado de Israel se dá pelo fato de que nós os Anussitas ainda não atingimos maturidade bastante afim de convivermos de forma organizada (em comunidade como um todo) o que naturalmente acontece com os demais ramos judaicos. Por isso; somos aceitos por Deus como filhos de Israel, somos considerados como judeus pelos judeus, porém, por incapacidade momentânea de nos organizarmos em comunidades, acabamos por sermos deixados "a Deus dará". A solução para esse problema é: Definir nossa Halakhá, produzir nossa própria literatura, fundamentar nossa fé nas Escrituras Sagradas e interpretá-las de acordo os livros rabínicos e literaturas judaicas, mas acima de tudo, aprendermos a viver em comunidade, respeitando as diferenças mesmo entre os demais anussitas. O que acredito que conseguiremos em breve, B'Ezrat HaShem.

    ResponderExcluir
  7. Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  8. Bom dia
    Me chamo Sérgio e sou professor em Caruaru - PE, e estou desenvolvendo com alunos do ensino fundamental e médio da escola onde trabalho um projeto sobre as várias faces de Deus que visa, de maneira geral, buscar respeitar as várias identidades religiosas que existem. Porém, não consigo aqui na cidade encontrar um grupo de judeus que possam nos auxiliar com dados, pesquisas, curiosidades (gastronomia, textos religiosos, vestimentas e etc.).
    Acaso possuam essa informação eu seria muito grato.
    Aguardo contato e esteja com a paz de Deus.
    Contato por email
    santoniorego@ig.com.br

    ResponderExcluir